Editorial



Através da Janela de Tata Amaral

O cinema nacional sempre foi fator preponderante em Contracampo. E nessa edição não é diferente: em breve, uma grande quantidade de filmes brasileiros de diretores importantes vai estrear: Estorvo de Ruy Guerra, Amélia de Ana Carolina, O Rap do Pequeno Príncipe Contra as Almas Sebosas de Paulo Caldas e Marcelo Luna, Eu Tu Eles de Andrucha Waddington e A Terceira Morte de Joaquim Bolívar de Flávio Candido. Para melhor poder dar conta deles, vamos nos antecipando: depois de um texto sobre O Rap... na edição passada, essa edição toma os filmes novos de Waddington e Cândido e tenta colocá-los na perspectiva do novo cinema nacional. Esperamos para um futuro próximo as obras de nossos veteranos cineastas. Acrescenta essa edição uma cobertura crítica do Festival Brasileiro do Cinema Universitário que, mais do que um palco para as novas realizações, está se tornando um verdadeiro fórum onde acaba se discutindo toda a produção nacional. Boa leitura.

Ruy Gardnier